Uma diferente História de Rapunzel

Logo quando Rapunzel nasceu, uma redoma de cristal já estava à sua espera para protegê-la. Era uma redoma linda, muito confortável e, especialmente segura. Nada de ruim alcançava Rapunzel. Ao contrário, ela estava rodeada de pessoas que a amavam muito e provinham tudo o que era necessário e até mesmo mais que o necessário para a sua vida.

Rapunzel cresceu nesta redoma de cristal! Era feliz! Passou muitos anos acreditando que tudo se resolveria naquela redoma. Não, ela não ficava presa na redoma como Rapunzel ficava na torre... Ela saía com freqüência, tinha esta liberdade, mas logo quando alguma coisa a ameaçava, voltava correndo.

Só que depois de muitos, mas muitos anos mesmo, a redoma de cristal quebrou! Algumas das pessoas que a protegiam já não existiam mais e outras haviam se afastado...

Rapunzel ficou aterrorizada com isso, pois não sabia mais para onde correr para buscar aconchego e ajuda. Seu porto seguro não mais existia! Ela adoeceu com isso e chorava muito... A dor era tanta que ela pensava que não seria capaz de resistir. Viu-se sozinha!

Rapunzel nasceu guerreira, só que nunca tinha experimentado sua força, pois nunca teve necessidade. Mas, naquele momento de solidão ouviu uma voz dizendo baixinho em seus ouvidos: você pode seguir em frente contanto com você mesma. Caso encontre um novo companheiro, vou vibrar com isso e ficarei mais tranqüilo, pois vou saber que você estará compartilhando com alguém suas alegrias e tristezas, amparando e sendo amparada. Reze apenas para ter saúde, paz e amor. O resto você vai conseguir minha filha amada e guerreira!
Rapunzel ficou tão emocionada com aquelas palavras que chorou, só que desta vez de alegria! Ela suspeitava de quem eram aquelas palavras...

Isto foi o suficiente para ela não mais precisar jogar suas lindas tranças para conseguir o que precisava. Ela mesma resolveu cortar as suas tranças. Cortar as tranças dói para alguém que convive com ela e, este alguém, um dia vai entender e, especialmente, respeitar esta sua necessidade...

E não é que Rapunzel conseguiu começar uma nova história para sua vida? Hoje ela anda por aí, por um novo caminho ainda um tanto desconhecido, às vezes os registros guardados em sua memória da redoma de cristal voltam, bate um medo monstruoso, só que ela não quer voltar atrás! Este novo caminho que ela segue não tem volta. Leva tombos sim, demora um pouco para se reerguer, mas se levanta! É claro que Rapunzel não se transformou na Mulher Maravilha e está longe em ser a perfeição em pessoa e, talvez vá precisar algumas vezes de uma mão para ajudá-la a levantar.

Rapunzel, com seu canto e sua beleza, já atraiu vários Príncipes. Rapunzel vai continuar a cantar. E olha que hoje sua voz está ainda mais bonita do que antes...

7 ajudaram a juntar palavras:

Inspirações disse...

Temos que ter cuidado com as redomas de cristal que temos e que muitas vezes nos afasta da realidade...

Um grande abraço,

Http://inspiracoesmatinais.blogspot.com

Serena Flor disse...

Nossa...lendo este conto, caí na real e ví que crio minha filha igual a Rapunzel sabia? Se tivesse uma redoma de vidro acho que ela já estaria dentro...aff!
Mas não nos damos conta de quanto isto é prejudicial e ao invés de protegê-la, o que fazemos é deixa-la despreparada para a vida e que pra se viver, alguns tombos se fazem necessários.
Obrigada minha amiga por me dar este alerta.
Um grande beijo e ótimo Domingo pra você.

Pelos caminhos da vida. disse...

Bom dia amiga.

Tem selinho para vc la.

beijooo

janelasdavida disse...

Oi, amiguinha! Adorei a tua visita! É verdade, muitas vzs nossas vidas se parecem com os contos de fada... As vzs somos príncipes e princesas, outras vzs somos sapos e bruxas... carregamos em nossa essência tantos medos, angustias e solidões, mas tbm heroísmo, sabedoria e força... Só precisamos encontrá-los, pois eles existem realmente dentro de nós...!
Espero tua visita sempre... bjs

mfc disse...

Para prosseguir é preciso cortar algumas amarras...
Um belíssimo texto alegórico.

APPedrosa disse...

Nossa, muito bom esse conto. O que eu mais tento na vida é não criar uma redoma em volta da minha filha, por mais que a tentação seja grande.
Obrigada pela visita e volte quando quiser.
Beijos,
Ana Paula

bruxamarytsha disse...

Belíssima a história, meio que me vi um pouco nela, vou seguir vc, adorei, beijocas

Related Posts with Thumbnails
 
© 2007 Template feito por Templates para Você